Brasil Brasil e Argentina abrem fronteira para transferência de elefanta

Brasil e Argentina abrem fronteira para transferência de elefanta

Mara, elefanta que sofria maus tratos em circo, será levada de Buenos Aires até Chapada dos Guimarães, em Mato Grosso

Elefanta será transferida para santuário em Mato Grosso

Elefanta será transferida para santuário em Mato Grosso

Reprodução/Record TV

Após 49 dias fechada, a fronteira entre Brasil e Argentina foi aberta temporariamente nesta segunda-feira (11) para a transferência da elefanta Mara, que tem entre 50 e 54 anos.

A elefanta estava no antigo zoológico de Buenos Aires, na Argentina, e tem como destino o Santuário dos Elefantes na Chapada dos Guimarães, em Mato Grosso. 

Mara foi resgatada de um circo após sofrer com maus tratos. A transferência até o destino final será escoltada pela Polícia Rodoviária Federal. Para seguir os protocolos sanitários, a elefanta será transportada em um compartimento com janelas, que tem 3 metros de altura por 5 metros de largura. 

De acordo com a polícia, Mara deve chegar ao santuário nesta quarta-feira (13).

Últimas