CGU acompanha divulgação de dados de anúncios do governo

Controladoria disse que monitora o cumprimento de uma solicitação feita por jornal e ressalta que decisão está prevista para ocorrer até o final de agosto

Pedido encontra-se em 3ª instância recursal

Pedido encontra-se em 3ª instância recursal

Douglas Lemos/R7 DF

A CGU (Controladoria-Geral da União) emitiu nota na noite desta quinta-feira (16) para afirmar que monitora o “cumprimento integral ou parcial” de uma solicitação encaminhada pelo jornal O Globo à Secretaria de Comunicação do Governo Federal.

O pedido, atualmente em 3ª instância recursal, trata de um relatório de canais em que anúncios do Governo Federal, contratados por meio da plataforma Google Adsense, foram exibidos, entre janeiro e novembro do ano passado.

“De concreto, até o momento, pode ser verificado que a Secretaria de Comunicação da Presidência da República (Secom) publicou, no sistema e-SIC, na aba cumprimento de decisão, planilha eletrônica destinada ao atendimento da solicitação feita pelo requerente”, afirma a nota.

De acordo com a CGU, o jornal não denunciou a omissão e entrou em contato com a CGU no dia 23 de junho “para relatar que as informações prestadas pela Secom não correspondiam à decisão proferida pela Controladoria”.

A CGU diz que monitora o cumprimento da solicitação e ressalta que uma decisão está prevista para ocorrer até o final de agosto. O prazo de duração da ação de monitoramento foi informado ao requerente, sendo irresponsável afirmar neste momento eventual descumprimento de determinação da CGU por parte da Secom”, diz a nota.

“A Controladoria reafirma o compromisso do governo federal com a transparência das informações públicas e envidará todos os esforços para a solução célere do caso”, finaliza o comunicado.