Brasil Chega ao Brasil lote com 1 milhão de doses da AstraZeneca

Chega ao Brasil lote com 1 milhão de doses da AstraZeneca

Nova remessa de imunizantes foi adquirida via consórcio Covax Facility e será distribuída nos próximos dias aos estados e DF

  • Brasil | Do R7

Imunizantes que chegaram ao Brasil foram produzidos na Coreia do Sul

Imunizantes que chegaram ao Brasil foram produzidos na Coreia do Sul

Dado Ruvic/Illustration/Reuters - 19.03.2021

O lote com 1 milhão de doses da vacina AstraZeneca/Oxford, adquiridas via Covax Facility, desembarcou na noite desta quinta-feira (15) em São Paulo. Segundo o Ministério da Saúde, as doses serão levadas ao Centro de Distribuição e Insumos Estratégicos, em Guarulhos (SP), e distribuídas nos próximos dias aos estados e o Distrito Federal.

Os imunizantes que chegaram ao Brasil foram produzidos na Coreia do Sul. A previsão é que mais 3 milhões de doses cheguem nas próximas semanas por meio da aliança global. Ao todo, mais de 5 milhões de doses da AstraZeneca/Oxford e 842,4 mil da Pfizer/BioNTech já foram entregues ao Brasil via aliança liderada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e outros parceiros.

O contrato do Brasil com a Covax prevê 42,5 milhões de doses de vacinas de diferentes laboratórios até o fim de 2021.

O Brasil é um dos quase 200 países que integram a iniciativa global, criada para permitir o acesso justo e igualitário de vacinas contra covid-19 por meio de parcerias com laboratórios. Além da OMS, o consórcio é coliderado pela Coalizão para Promoção de Inovações em prol da CEPI (Preparação para Epidemias) e pela Gavi (Aliança Mundial para Vacinas e Imunização), em parceira com o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e a Opas (Organização Pan-Americana da Saúde).

CoronaVac

Também na noite desta quinta-feira (15) chegou ao Brasil um lote com pouco mais de 200 mil doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan. Com essa remessa, o Ministério da Saúde já recebeu 1 milhão de doses do imunizante esta semana. Ao todo, mais de 57,2 milhões de doses da CoronaVac foram distribuídas pelo ministério desde o início da campanha.

Estratégia de vacinação

O Ministério da Saúde informou que a estratégia de vacinação é definida semanalmente, entre estados, municípios e União, a partir das entregas feitas pelos laboratórios. A cada nova distribuição, segundo o órgão, são publicados informes técnicos com a orientação de como devem ser usadas essas doses.

A recomendação da pasta é de que estados e municípios sigam as orientações do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO), pactuadas semanalmente entre todos os entes federativos.

Últimas