Brasil Congresso passa por varredura antes da chegada de Bolsonaro

Congresso passa por varredura antes da chegada de Bolsonaro

Presidente eleito participa hoje de solenidade no Congresso para celebrar os 30 anos da Constituição cidadã

  • Brasil | Mariana Londres, da Coluna do Fraga, em Brasília

Congresso passou por varredura na manhã de hoje

Congresso passou por varredura na manhã de hoje

Mariana Londres/R7

As polícias legislativas da Câmara e do Senado terminaram perto das 8h30 uma varredura de segurança no Plenário da Câmara, onde às 10h vai acontecer sessão solene em homenagem aos 30 anos da Constituição com a presença do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Também participarão da solenidade o presidente Michel Temer, o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, e os presidentes das casas legislativas, o senador Eunício Oliveira (MDB-CE) e o deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A varredura é semelhante a de outros grandes eventos que acontecem no Congresso, como a posse presidencial. Durante o procedimento a circulação de pessoas pela Casa é interrompida.

Ao contrário do que acontece em posses presidenciais e em outros grandes eventos, como a votação do impeachment, a circulação de jornalistas dentro do plenário da Câmara está proibida durante o evento. Equipes de transmissão poderão ocupar apenas as galerias.

A justificativa das polícias para a restrição é o alto número de pessoas circulando no evento: presidentes dos três poderes, presidente eleito e procuradora-geral da República, além de ministros e outras autoridades.

Imagem obtida com exclusividade pela RecordTV mostra a viagem da comitiva presidencial

Imagem obtida com exclusividade pela RecordTV mostra a viagem da comitiva presidencial

Divulgação/ 06.11.2018

Últimas