Brasil Demissão de Bebianno é de 'foro íntimo' de Bolsonaro, diz porta-voz

Demissão de Bebianno é de 'foro íntimo' de Bolsonaro, diz porta-voz

Otávio Santana do Rêgo Barros garante que a exoneração ainda não estava pronta e disse que o documento será assinado nesta segunda-feira

BebiannoA

Bebianno foi exonerado por Jair Bolsonaro

Bebianno foi exonerado por Jair Bolsonaro

Pedro Ladeira/Folhapress - 15.02.2019

O porta-voz da Presidência da República, Otávio Santana do Rêgo Barros, disse nesta segunda-feira (18) ao comunicar a demissão do ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, que a decisão tomada é de "foro íntimo do presidente" Jair Bolsonaro.

"Nosso presidente conversou com o ministro Bebianno na sexta-feira. Depois, não conversou mais sobre esse tema e tomou sua decisão", afirmou o porta-voz.

Rêgo Barros destaca ainda que a exoneração será assinada por Bolsonaro hoje e ainda não estava pronta. Ele ainda disse desconhecer se o ex-ministro receberá outro cargo no governo.

De acordo com o porta-voz, o general Floriano Peixoto assumirá o cargo de Secretário-geral da presidência com a saída de Bebianno.