Brasil Dilma anuncia construção do metrô em Porto Alegre 

Dilma anuncia construção do metrô em Porto Alegre 

Segundo o Ministério das Cidades, o custo da obra será de R$ 4,8 bilhões 

Dilma anuncia construção do metrô em Porto Alegre 

Dilma fará entrega de máquinas a prefeitos da região

Dilma fará entrega de máquinas a prefeitos da região

Roberto Stuckert Filho/PR

A presidente Dilma Rousseff anunciou neste sábado (12) na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, a construção do metrô em Porto Alegre. O custo da obra será de R$ 4,8 bilhões.

Os investimentos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Mobilidade Urbana para a cidade e região metropolitana totalizam R$ 5,043 bilhões. 

Os investimentos no metrô de Porto Alegre envolveram uma difícil negociação nos bastidores entre o governo federal, estadual e municipal que quase levaram à não realização do evento deste sábado.

O governo do Estado do Rio Grande do Sul decidiu aumentar sua participação no metrô para compensar as limitações orçamentárias da Prefeitura de Porto Alegre, que já está muito endividada.

Segundo o Ministério das Cidades, a obra do metrô vai custar R$ 4,843 bilhões, dos quais R$ 3,540 bilhões serão investimentos públicos e o restante, do setor privado. O governo federal vai financiar R$ 1,77 bilhão, o estadual R$ 1,08 bilhão e o município, R$ 690 milhões.

Dilma Rousseff ganharia Eleição 2014 no 1º turno, diz Datafolha

Já fui criança: veja como eram Serra, Dilma, Lula e outros na infância

Dilma também vai anunciar R$ 200 milhões para obras de construção de faixas exclusivas para transporte coletivo na região metropolitana de Porto Alegre.

Ao discursar, o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati (PDT), elogiou a parceria com o governo federal e prometeu que as obras serão realizadas com transparência.

— A marca da transparência, como sempre foi, continuará sendo marca forte.