FHC se junta a sócios e cria empresa para investir em imóveis

Dez pessoas terão participação na firma, entre elas dois ex-ministros do governo do ex-presidente

FHC se junta a sócios e cria empresa para investir em imóveis

FHC entra no mercado imobiliário com empresa que tem dez sócios

FHC entra no mercado imobiliário com empresa que tem dez sócios

Wilson Dias/18.11.2008/ABr

Ao lado de outros nove sócios, o ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso criou em maio uma empresa de investimento imobiliário ao lado de dois ex-ministros — Pedro Parente (Casa Civil) e Celso Lafer (Relações Exteriores).

A Sarlat Empreendimentos e Participações Ltda. ainda terá como sócio o historiador da USP (Universidade de São Paulo) Boris Fausto. As informações são da seção Painel da Folha de S. Paulo.

A empresa nasceu com um capital inicial de R$ 1,9 bilhão, sendo que FHC entrou com R$ 222,3 mil. O ex-presidente disse ao jornal que o rendimento no mercado financeiro brasileiro é baixo e, por isso, resolveu apostar em imóveis. 

Leia mais notícias de Brasil e Política

O grupo deverá construir um único empreendimento imobiliário, que ainda será definido.

A reportagem do R7 entrou em contato com a assessoria do Instituto Fernando Henrique Cardoso, que informou que não comentaria a criação e a atuação da empresa porque envolvem mais sócios.