Flordelis apresenta defesa à Câmara e processo corre em sigilo

Advogados da parlamentar, acusada de mandar matar o marido, entregaram defesa nesta quarta à Corregedoria. Ela pode perder mandato

Flordelis apresenta defesa à Câmara e processo corre em sigilo

Flordelis apresenta defesa à Câmara e processo corre em sigilo

Fernando Frazão/Agência Brasil - 25.06.2019

A deputada Flordelis (PSD-RJ) apresentou defesa no processo por quebra de decoro, que pode levar à perda de mandato, nesta quarta-feira (16) às 17h.

A defesa foi entregue por procuração dos advogados de defesa da parlamentar. Flordelis foi notificada há uma semana. 

A parlamentar responde por quebra de decoro, após ter sido indiciada como mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo. O crime aconteceu em junho do ano passado.

De acordo com a Corregedoria da Câmara, o prazo para análise e posterior parecer começa amanhã (17) e o processo corre em sigilo. A Corregedoria tem até 45 dias úteis para finalizar o processo, mas deve finalizar antes disso.