Brasil Governo autoriza recriação de dois ministérios, diz senador

Governo autoriza recriação de dois ministérios, diz senador

Após enxugamento de pastas no início da gestão Bolsonaro, reforma administrativa deve desmembrar Ministério do Desenvolvimento Regional

bolsonar

Número de pastas pode aumentar com reforma

Número de pastas pode aumentar com reforma

Ana Volpe/Agência Senado

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), afirmou nesta terça-feira (7) que o Planalto deu aval para a recriação de dois ministérios que haviam sido extintos no início da gestão Bolsonaro.

Coelho, que também é relator da medida provisória que altera a estrutura administrativa, afirmou que o Ministério do Desenvolvimento Regional seria desmembrado, com a recriação das pastas das Cidades e da Integração Nacional, segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo.

Ontem, o governo já havia firmado consenso em relação à permanência do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) sob o guarda-chuva do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Antes de Bolsonaro, o órgão era ligado ao Ministério da Fazenda (hoje Ministério da Economia).

Por outro lado, o registro sindical, que estava no Ministério da Justiça e Segurança Pública, deve voltar ao Ministério da Economia, que absorveu partes do Ministério do Trabalho.