Novo Coronavírus

Brasil Governo do Distrito Federal nega colapso no sistema saúde

Governo do Distrito Federal nega colapso no sistema saúde

Posição surge após médico dizer que estariam esgotadas as vagas nos hospitais públicos e privados de Brasília

  • Brasil | Da Agência Brasil

Governo diz que há 197 leitos públicos disponíveis

Governo diz que há 197 leitos públicos disponíveis

Gabriela Biló/Estadão Conteúdo - 21.4.2020

Em nota à imprensa, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal negou hoje (27) que haja colapso no sistema de saúde local por causa da pandemia de covid-19.

Segundo o comunicado, dos 497 leitos de UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) reservados para casos de covid-19 na rede pública do Distrito Federal, 300 estão ocupados. "Nos hospitais particulares, dos 218 leitos disponíveis, 179 estão ocupados.”

A disponibilidade de leitos é monitorada por uma sala de situação criada pelo governo do Distrito Federal. Os números apurados estão disponíveis na internet.

Leia mais: Brasil assina acordo para produzir vacina contra coronavírus

O posicionamento do governo ocorre após vazamento de áudio de um cirurgião-geral do Hospital de Base, em que o médico diz que estariam esgotadas as vagas nos hospitais públicos e privados de Brasília por causa da pandemia.

No áudio, o médico fala sobre a necessidade de aumentar o distanciamento social com medidas obrigatórias de confinamento, o chamado lockdown. Em nota, o governo diz que, “até o momento, não há decisão com relação a isso” e que “todas as novas medidas serão informadas por meio de publicações no Diário Oficial do DF.”

De acordo com o painel do SUS (Sistema Único de Saúde), o Distrito Federal acumulava até ontem (26), 41.326 casos de contaminação pela covid-19 e 532 óbitos pela doença desde 27 de março. Só nesta sexta-feira, foram registrados 23 óbitos e 2.455 casos de infecção.

Últimas