Governo emite alerta de chuva forte no Sudeste para os próximos dias

Segundo os órgãos envolvidos no monitoramento do tempo, enchentes, alagamentos e deslizamentos de terra podem ocorrer até quarta-feira (4)


Pedestre enfrenta alagamento no início de fevereiro em São Paulo

Pedestre enfrenta alagamento no início de fevereiro em São Paulo

Rahel Patrasso/Reuters

O governo federal emitiu alerta de chuvas intensas que devem ocorrer no próximos dias nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo. Segundo os órgãos envolvidos no monitoramento do tempo, enchentes, alagamentos e deslizamentos de terra podem ocorrer até quarta-feira (4) em decorrência de tempestades.

Leia também: Esse é o novo clima de São Paulo, diz cientista sobre chuva intensa

De acordo com o órgãos federais, as informações foram remetidas para as Defesas Civis dos estados, que deverão tomar as providências preventivas cabíveis, como alertar pessoas que vivem em áreas de risco de desabamento sobre rotas de fuga e como buscar pontos seguros no caso de confirmação de desastres.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), a Defesa Civil tem um serviço de alerta de desastres naturais que funciona por meio de mensagens de texto (SMS) no celular e mensagens nos canais de TV por assinatura.

Leia também: Capital paulista tem maior volume de chuvas para fevereiro em 77 anos

Para fazer o cadastro, é preciso enviar um SMS com cep do local para o número 40199. Em seguida, o cidadão receberá outro SMS com a confirmação do cadastro. Nas TVs, a mensagem aparecerá automaticamente na tela do aparelho. O serviço é grátis.

O monitoramento das chuvas é realizado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/Inpe) e pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), além de mais dois órgãos que analisam riscos de desastres naturais.