Reforma da Previdência

Brasil Maia: Plenário inicia discussão e vota reforma na semana que vem

Maia: Plenário inicia discussão e vota reforma na semana que vem

Presidente da Câmara afirma que análise do texto da Previdência será feita "com muito diálogo, ouvindo todos os nossos deputados"

Reuters
"Câmara deu hoje um importante passo", diz Maia

"Câmara deu hoje um importante passo", diz Maia

Pedro Ladeira/Folhapress - 01.02.2019

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quinta-feira (4) que a primeira votação da reforma da Previdência no plenário da Casa vai ocorrer na semana que vem e a discussão começará já na terça-feira (9).

Por se tratar de uma PEC (Proposta de Emenda à Constituição), o texto da Previdência precisa conquistar os votos de ao menos 308 deputados, o que representa três quintos dos parlamentares, em duas votações. Caso isso aconteça, a proposta seguirá para o Senado Federal.

Mais cedo, a comissão especial aprovou texto principal da proposta e segue na análise dos destaques ao texto.

Três das propostas adicionais já foram rejeitados — dois traziam regras mais brandas para profissionais da segurança pública e outro tentava tirar os professores da reforma.

“Vamos encerrar hoje a votação dos destaques na comissão para já na terça-feira iniciarmos os debates e votarmos a reforma na próxima semana”, disse Maia em seu perfil no Twitter.

Certeza é votar reforma no 1º turno semana que vem, diz Onyx

“A Câmara deu hoje um importante passo. Essa foi a nossa primeira vitória e, a partir da próxima semana, vamos trabalhar para aprovar o texto em Plenário, com muito diálogo, ouvindo todos os nossos deputados, construindo maioria”, acrescentou.

O presidente da Câmara agradeceu ainda a atuação do presidente da comissão especial, Marcelo Ramos (PL-AM), o relator, Samuel Moreira (PSDB-SP), e ainda os parlamentares e líderes favoráveis à proposta.

Últimas