Brasil 'Não é nosso vizinho, é nosso irmão', diz Bolsonaro sobre Paraguai

'Não é nosso vizinho, é nosso irmão', diz Bolsonaro sobre Paraguai

Presidente foi a Foz do Iguaçu para visitar obras da ponte que está sendo construída entre Brasil e Paraguai e exaltou relação entre os dois países

  • Brasil | Do R7

Bolsonaro ao lado de Mario Abdo Benítez, presidente do Paraguai

Bolsonaro ao lado de Mario Abdo Benítez, presidente do Paraguai

Alan Santos/PR - 01.12.2020

O presidente Jair Bolsonaro viajou nesta terça-feira (1º) a Foz do Iguaçu, no Paraná, para visitar as obras da segunda ponte que está sendo construída para ligar o Brasil ao ParaguaI. Em um rápido pronunciamento, Bolsonaro elogiou a relação com o país vizinho e disse que o Paraguai é "irmão" do Brasil. 

Leia mais: Se nada fizermos, poderemos ter apagões, diz Bolsonaro

Além de Bolsonaro, Mario Abdo Benítez, presidente do Paraguai, e Ratinho Junior, governador do Paraná, também estavam presentes. 

"Aqui temos um casamento perfeito: Brasil, Paraguai e Paraná. O nosso relacionamento, excelente, só pode produzir frutos como esse. É um orgulho para todos estarmos participando dessa obra de integração", disse o presidente. 

Veja também: 'Quem falar em Renda Cidadã, cartão vermelho', diz Bolsonaro

Bolsonaro também elogiou o presidente do Paraguai ao ressaltar que o mandatário carrega consigo o lema "democracia e liberdade", fundamentais para qualquer país.

"O Paraguai não é nosso vizinho, é nosso irmão. Você (Benítez) é um presidente que se preocupa e trabalha para o povo, tem como lema democracia e liberdade, maiores bens que um povo pode esperar. Vejo aqui humildes funcionários, trabalhadores, que demonstram felicidade em trabalhar. Nada dignifica mais o homem do que o trabalho", afirmou. 

O Chefe do Executivo ainda reiterou as medidas tomadas para combater os efeitos da pandemia do novo coronavírus na economia do Brasil e destacou que o mesmo foi feito por Benítez, presidente do Paraguai. "Ajudamos o povo com alguns projetos e você fez o mesmo aqui. Alguns querem perpetuar tais benefícios, mas ninguém vive dessa forma", defendeu Bolsonaro.

"Temos quer ter coragem para tomar decisões. Você, Ratinho, que é chefe, tenho certeza que que fica preocupado quando tem que tomar uma decisão. Mas pior do que uma decisão mal tomada, é uma indecisão. Nós temos que operar pelo nosso povo, pelo nosso país", disse o presidente. 

"A presença de todos aqui demonstra o compromisso pelo país. O que fazemos pelo Paraná, fazemos pelo Brasil. E o que fazemos pelo Paraguai, também fazemos pelo Brasil. Nós queremos vizinhos fortes, que somem conosco", completou Bolsonaro.

Últimas