Novo Bolsa família vai estimular geração de emprego, diz ministro

Em entrevista ao JR, Osmar Terra, que comanda a pasta da Cidadania, afirmou que o novo formado vai visar o estímulo à geração de emprego e renda

Ministro Osmar Terra fala sobre o Bolsa Família

Ministro Osmar Terra fala sobre o Bolsa Família

Reprodução/Record TV

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, disse que o novo formato do Bolsa Família vai estimular que beneficiários deixem o programa por meio de estímulos a geração de emprego e renda.

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Record, Terra afirmou que o melhor programa social é o emprego.

“Por orientação do presidente, nós queremos que haja mais gente empregada, com renda e menos gente precisando do programa”.

Na quarta-feira (8), o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, entregou ao presidente Jair Bolsonaro estudos sobre um novo Bolsa Família. A proposta ainda será analisada em conjunto por ministérios como Casa Civil, Economia e Cidadania.

O núcleo político do Palácio do Planalto quer garantir mais R$ 10 bilhões de recursos do Orçamento para bancar uma reformulação do programa, antecipada pelo jornal O Estado de S. Paulo, e o pagamento do 13.º salário aos beneficiários em 2020. A equipe econômica diz, no entanto, não haver espaço para uma ampliação de gastos dessa magnitude. O orçamento previsto para o programa em 2020 é de R$ 29,3 bilhões.

Veja a entrevista do ministro Osmar Terra na íntegra