Brasil PF quer ouvir Bolsonaro sobre denúncias de Moro

PF quer ouvir Bolsonaro sobre denúncias de Moro

Documento foi encaminhado ao ministro Celso de Mello, que conduz as investigações sobre suposta tentativa de interferência política na PF

Agência Estado
O presidente Bolsonaro ao lado do ex-ministro Sergio Moro

O presidente Bolsonaro ao lado do ex-ministro Sergio Moro

October 3, 2019. REUTERS/Adriano Machado/ Foto de Arquivo

A delegada da Polícia Federal Christiane Correa Machado encaminhou na última sexta-feira (19) um ofício ao ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo que o decano determine o depoimento presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no inquérito que apura se ele tentou interferir politicamente na PF para blindar aliados e familiares de investigações, como alegou o ex-ministro Sergio Moro ao deixar o governo.

Leia também: MP quer suspensão de salário de Moro por trabalho como colunista

No ofício, a delegada afirma que ‘as investigações se encontram em estágio avançado, razão pela qual nos próximos dias torna-se necessária a oitiva’ de Bolsonaro.

Parte dos investigadores que atuam no inquérito avalia que, até o momento, não foram encontradas provas que o incriminem e aponta que a tendência é que o procurador-geral da República, Augusto Aras, peça o arquivamento do caso.

O entendimento desse grupo é o de que, neste momento, as acusações do ex-ministro da Justiça Sergio Moro provocam mais estrago político do que jurídico para Bolsonaro.

Últimas