Polícia analisa imagens de mercado onde cliente sem máscara foi morto

Caso aconteceu em Vacaria (RS): homem se recusou a colocar a máscara, segundo testemunhas. Gerente ferido reagiu dando dois tiros 

Cliente esfaqueou gerente do supermercado e acabou morto com dois tiros

Cliente esfaqueou gerente do supermercado e acabou morto com dois tiros

Reprodução/Record TV

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul vai analisar imagens de câmeras de segurança do supermercado de Vacaria, no interior do estado,  onde um cliente sem máscara foi repreendido, não aceitou a orientação, esfaqueou gerente e foi morto a tiros pelo funcionário.

O delegado Anderson de Lima, responsável pelo caso diz que já ouviu diversas testemunhas e está analisando as imagens de câmeras de segurança.

O caso aconteceu na noite de sábado (20) no bairro Petrópolis. Aldori Cardoso, de 36 anos não resistiu aos ferimentos. O gerente está internado no hospital nossa senhora da oliveira. A polícia civil investiga o caso.

Segundo testemunhas, Aldori entrou no supermercado sem máscara, mas passou despercebido. Pegou alguns produtos e foi para o caixa. Assim que viu o homem sem o equipamento de proteção, o gerente identificado como Jonas Macedo da Silveira, de 32 anos, foi até ele para explicar que o uso da máscara era obrigatório dentro do estabelecimento.

Segundo testemunhas, Aldori ficou revoltado e se recusou a obedecer a orientação. Ele pegou uma faca que carregava na cintura e esfaqueou Jonas. Em seguida, o gerente, que tem porte de arma, atirou duas vezes contra o cliente, que morreu no local.

Armas usadas no crime

Armas usadas no crime

Reprodução/Record TV

O gerente Jonas ficou ferido e foi levado ao hospital, onde permanece internado. O quadro de saúde dele é considerado estável. Assim que receber alta, vai prestar depoimento.

Aldori tinha antecedentes por ameaça e crimes de trânsito. O gerente, que não tem passagem pela polícia, pode ser indiciado por homicídio culposo, sem intenção de matar.