Preso na Lava Jato, ex-assessor de Palocci tenta suicídio na cadeia

Informação é de que Branislav Kontic teria tomado 40 comprimidos de um medicamento

Preso na Lava Jato, ex-assessor de Palocci tenta suicídio na cadeia

Kontic (foto) foi preso no dia 26 de setembro

Kontic (foto) foi preso no dia 26 de setembro

SUELLEN LIMA/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Preso na 35ª fase da Lava Jato, o ex-assessor de Antonio Palocci Branislav Kontic, tentou suicídio na cadeia na semana passada. O caso aconteceu na última sexta-feira (30), mas a informação foi publicada nesta quinta-feira (6) pelo colunista Lauro Jardim, do jornal o Globo.

Segundo o blog do jornalista, Kontic tomou 40 comprimidos de um medicamento quando ainda estava detido na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba (PR). Ao ser transferido para o Complexo Médico Penal, onde estão outros presos da Lava Jato, ele começou a passar mal e teve que ser levado a um hospital.

Ainda de acordo com o colunista, o ex-assessor de Palocci tomou os comprimidos no dia em que o juiz Sérgio Moro transformou a prisão temporária dele em preventiva (tempo indeterminado). Ele é acusado de intermediar o pagamento de propinas envolvendo a construtora Odebrecht.

Ex-ministro Palocci é preso em nova fase da Operação Lava Jato