Brasil Previdência: Bolsonaro defende Estados e municípios na reforma

Previdência: Bolsonaro defende Estados e municípios na reforma

Presidente citou impasse na Câmara devido a desgaste entre parlamentares; 'não tenho nada a ver com isso, a Câmara é quem decide', declarou

Bolsonaro defende Estados e municípios na reforma, mas cita impasse na Câmara

Jair Bolsonaro manifestou confiança na aprovação da reforma em até 20 dias

Jair Bolsonaro manifestou confiança na aprovação da reforma em até 20 dias

Edu Andrade/ Fatopress/ Estadão Conteúdo - 21.05.2019

O presidente da República, Jair Bolsonaro, defendeu neste sábado (1º), a manutenção de Estados e municípios nas mudanças do sistema previdenciário, conforme a reforma encaminhada pelo governo ao Congresso. Ele ponderou, no entanto, que há impasse na Câmara sobre a situação por conta de desgaste entre parlamentares.

"Isso está sendo acertado pela Câmara. O que nós gostaríamos é que fosse tudo junto", comentou Bolsonaro após participar de um churrasco na casa de um amigo, em Brasília "Está esse impasse dentro da Câmara e eu não tenho nada a ver com isso. A Câmara é que decide agora", declarou.

Leia também: 'Meu filho responde por seus atos', diz Bolsonaro sobre Flávio

O presidente disse querer aprovar o texto "basicamente como chegou lá".

De acordo com ele, alguns parlamentares até são favoráveis à reforma, mas votam contra por causa do desgaste política. "Espero que o pessoal se entenda", disse.

Ele manifestou confiança na aprovação da reforma em até 20 dias na Comissão Especial da Câmara e ainda fez um aceno ao relator do texto, Samuel Moreira (PSDB-SP), afirmando que o deputado está trabalhando para aprovar "o que for possível da proposta" do governo.

Saiba mais: Lula e Dilma trouxeram terroristas e ladrões ao Brasil, diz Bolsonaro

O presidente classificou a medida como a "mãe" de todas as outras reformas e prometeu anunciar outras soluções para Estados após a conclusão da Previdência.