CPI da Covid

Brasil Senadores pedem a convocação de Arthur Weintraub à CPI da Covid

Senadores pedem a convocação de Arthur Weintraub à CPI da Covid

Irmão do ex-ministro da Educação foi assessor de Bolsonaro e poderá ser questionado por suposto "ministério paralelo"

  • Brasil | Do R7

O ex-assessor da Presidência Arthur Weintraub

O ex-assessor da Presidência Arthur Weintraub

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados – 21.05.2019

Os senadores Humberto Costa (PT-PE) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE) apresentaram neste domingo (23) requerimentos para que o ex-assessor da Presidência da República Arthur Weintraub deponha à CPI da Covid, no Senado. O objetivo é apurar suposta coordenação de um "ministério paralelo" que seria responsável por aconselhar o presidente durante a pandemia, conforme reportagem publicada pelo portal "Metrópoles".

Arthur Weintraub é irmão do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub e já assumiu publicamente posturas também adotadas pelo presidente, como a defesa do uso da hidroxicloroquina na pandemia, apesar da falta de estudos indicando eficácia contra a covid-19. Discursos oficiais e lives reunidos pelo portal indicam a coordenação de trabalhos junto a médicos que endossaram posturas da gestão Bolsonaro.

Os requerimentos poderão ser votados na terça-feira, assim como a requisição para que o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello deponha novamente.

Os senadores também apresentaram requerimentos para convocar Luana Araújo, médica infectologista anunciada há 11 dias para chefiar a Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid, mas que não ocupará mais a função. Ao confirmar a informação neste sábado (22), o ministério não detalhou os motivos. 

Luana Araújo é defensora da vacinação em massa, já declarou ser favorável a medidas restritivas e contra o kit covid, mesmo para pacientes com sintomas leves. Ela já afirmou também que "todos os estudos sérios" demonstram a ineficácia da cloroquina e que a ivermectina é "fruto da arrogância brasileira" e "mal funciona para piolho".

Últimas