Brasil Sou do Centrão, afirma Bolsonaro ao defender aliança com PP

Sou do Centrão, afirma Bolsonaro ao defender aliança com PP

 O governo federal se aproximou ainda mais do bloco com a indicação do senador Ciro Nogueira para a Casa Civil

  • Brasil | Do R7

O presidente Jair Bolsonaro, que defendeu o bloco de partidos conhecido como Centrão

O presidente Jair Bolsonaro, que defendeu o bloco de partidos conhecido como Centrão

Facebook / Divulgação 22-07-2021

O presidente Jair Bolsonaro defendeu nesta quinta-feira (22) o Centrão e afirmou que já foi integrante de partidos que compõem o grupo durante mandatos na Câmara dos Deputados. O governo federal se aproximou ainda mais do grupo com a indicação nesta semana do senador Ciro Nogueira (PP-PI) para a Casa Civil. O bloco é formado por partidos de centro e centro-direita e constitui a base do governo no Congresso Nacional.

Ao defender a aliança com o PP (Progressistas), o presidente disse que o nome do bloco é pejorativo e que nasceu no Centrão. 

“Centrão é um nome pejorativo. Eu sou do Centrão, eu fui do PP metade do meu tempo, agora nós temos 513 parlamentares, o tal centrão são alguns partidos que lá trás se uniram na campanha do Alckmin (Geraldo Alckmin) e ficou então rotulado Centrão como algo pejorativo, algo danoso à Nação. Não tem nada a ver. Eu Nasci de lá", disse em entrevista à Rádio Banda B.

Na entrevista, Bolsonaro confirmou o senador Ciro Nogueira para assumir o Ministério da Casa Civil. O atual chefe da pasta, general Luiz Eduardo Ramos vai para a Secretaria-Geral da Presidência da República. "Realmente deve acontecer na semana que vem, está praticamente certo. Nós vamos colocar um senador na Casa Civil que pode manter um diálogo melhor com o Congresso. Eu conversei com ele já e ele aceitou", disse o presidente. 

Últimas