Brasil Tecnologia 5G no país é assunto do Estúdio News deste sábado (24)

Tecnologia 5G no país é assunto do Estúdio News deste sábado (24)

Conselheiro da Anatel Moisés Moreira e professor Gil Giardelli debatem como o avanço traz inovação para Brasil e para o mundo

  • Brasil | Do R7

Moisés Moreira e Gil Giardelli são os convidados do Estúdio News

Moisés Moreira e Gil Giardelli são os convidados do Estúdio News

Divulgação/Record TV

A tecnologia 5G promete trazer mudanças, com o surgimento de novas aplicações que vão da internet das coisas, cidades inteligentes e telemedicina até o carro conectado. Tudo isso contribuirá para o desenvolvimento da indústria e do agronegócio, segundo o conselheiro da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e presidente do Gaispi (Grupo de Acompanhamento da Implantação das Soluções para os Problemas de Interferência na faixa do 5G), Moisés Moreira.

Porém é considerável esclarecer que, embora a tecnologia ofereça maior velocidade, maior estabilidade e capacidade de conectar múltiplos dispositivos, o processo de implantação é gradativo, como explica o conselheiro da Anatel.

“É importante saber que o 5G não vai chegar bombando. Acredito que até o final de setembro quase a totalidade dos estados estará com 5G implantado, mas esse trabalho de limpeza da faixa tem que ser feito com muito cuidado, senão acaba-se comprometendo outros serviços. E isso pode gerar judicialização e outros entraves, que, aí sim, atrasaria o processo de forma maior”, ressalta o executivo.

A qualificação para se manter ou se inserir no mercado de trabalho se torna ainda mais essencial em uma área competitiva e permeada pela transformação digital. Devido à rápida evolução das máquinas e dos algoritmos, existe o temor de que trabalhadores sejam substituídos por máquinas num curto espaço de tempo.

Contrário a este pensamento, Gil Giardelli, professor de estudos do Futuro e apresentador do O Imponderável, expõe alguns dos benefícios dessa nova tecnologia, inclusive no que diz respeito à oportunidade de se adquirir novas habilidades e de se especializar no trabalho, visando melhores salários.

“É uma nova oportunidade para o mundo e para o Brasil, de novos empregos, empregos com salários maiores, uma hiperconexão não apenas das mídias sociais, mas da indústria 5.0, de empregos que exigem muito pensamento humano, substituindo aquele conceito do trabalho repetitivo. Para um país como o nosso, tão continental, ele vai ser finalmente o fim de várias barreiras, uma nova educação", explica.

"Nessa nova área existe um desemprego tecnológico, sim, mas dados medianos mundiais de que cada um emprego que se fecha, são quase quatro novos que estão se abrindo”, diz Giardelli.

O Estúdio News vai ao ar aos sábados, às 22h15. A Record News é sintonizada pelos canais de TV fechada 55 Vivo TV, 78 Net, 32 Oi TV, 14 Claro, 19 Sky e 134 GVT, além do canal 42.1 em São Paulo e demais canais da TV aberta em todo o Brasil.

Últimas