Julgamento de Lula no TRF4
Brasil Último a votar recurso de Lula defende Lava Jato e elogia Moro

Último a votar recurso de Lula defende Lava Jato e elogia Moro

Victor Luiz dos Santos Laus é o terceiro e último a votar o recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Lula

Último a votar recurso de Lula defende Lava Jato e elogia Moro

Laus decide se condenação será unânime

Laus decide se condenação será unânime

Reprodução/Youtube

O desembargador Victor Luiz dos Santos Laus, último a votar o recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), elogiou a atuação do juiz federal Sérgio Moro e defendeu o andamento da Operação Lava Jato logo ao iniciar sua fala.

"Se há alguma coisa que seja absolutamente incontroversa da Operação Lava Jato é a qualificação dos profissionais que sobre ela estão se debruçando", afirma Laus.

Ao elogiar o juiz Sérgio Moro, Laus disse que os "esforços" da Lava Jato foram canalizados para um "terceiro sujeito que emprestou seu talento" para julgar os fatos em primeira instância.

No momento em que começou a falar sobre o caso relacionado ao ex-presidente Lula, o desembargador disse que não cabe ao acusado provar algo, mas ao órgão público que o acusa. “Quem acusa tem que provar. Não quem se defende”.

Caso acompanhe o voto do relator, João Pedro Gebran Neto, e do presidente da 8ª Turma do TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), Leandro Paulsen, o ex-presidente será condenado por unanimidade pela segunda instância.