Brasil 'Vamos sair dessa crise antes dos outros países', diz Paulo Guedes

'Vamos sair dessa crise antes dos outros países', diz Paulo Guedes

Ministro estima que será necessário cerca de três meses de isolamento social no País para atender a área da saúde durante o pico das contaminações

Agência Estado
Ministro Paulo Guedes estima que país voltará a crescer em cinco meses

Ministro Paulo Guedes estima que país voltará a crescer em cinco meses

Marcos Corrêa/PR - 18.3.2020

O ministro da Economia, Paulo Guedes, considera que o Brasil voltará a crescer em um período de cinco meses, após superar a crise decorrente da pandemia do novo coronavírus. O ministro estima que será necessário cerca de três meses de isolamento social no País para atender a área da saúde durante o pico das contaminações.

Leia mais: Brasília tem a primeira morte por coronavírus

"Daqui a cinco meses estamos crescendo de novo. Nós vamos surpreender. Vamos sair dessa crise antes dos outros países, vamos fazer dinheiro chegar nas prefeituras", disse o ministro ao encerrar a sua participação em videoconferência promovida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM).

No encontro, Guedes defendeu aumentar os repasses para os municípios, mas relatou dificuldades para fazê-lo porque considera que o Brasil "está cheio de dinheiro carimbado, bloqueado em fundos". Segundo ele, 96% dos recursos estão nessa situação.

Leia mais: Coronavírus: isolamento social precisa durar ao menos dois meses

O ministro voltou a defender a aprovação do pacto federativo para que cada município possa decidir a destinação dos recursos. "O dinheiro tem que estar livre para que o prefeito decida. Não há substituto para o gestor local", declarou.

Últimas