Senador Marcos Rogério condena perseguições contra religiosos

O senador Marcos Rogério (DEM), de Rondônia, afirmou que "assistir a perseguições em tempos atuais é algo preocupante". "A Igreja de cristo sempre foi perseguida, maltratada, ofendida mas nunca deixou de pregar o evangelho, mas ver perseguições nos tempos atuais é algo que nos preocupa", disse.

"A igreja universal em Angola sofre perseguições, violência, crime de intolerância e xenofobia, ver templos sendo invadidos e casas pastorais com buscas violentas e ilegais, conspiração e pastores sendo agredidos covardemente é algo inaceitável e requer uma resposta do governo de angola. Não se trata de algo tolerável."