Brasília Após orientação da Anvisa, Bolsonaro altera compromissos

Após orientação da Anvisa, Bolsonaro altera compromissos

Agência orientou isolamento social após o ministro da Saúde testar positivo para covid. Ele cumpre isolamento nos Estados Unidos

  • Brasília | Maurício Ferro, do R7 em Brasília

Sem máscara, nos EUA, Bolsonaro visitou o Memorial e Museu Nacional do 11 de Setembro

Sem máscara, nos EUA, Bolsonaro visitou o Memorial e Museu Nacional do 11 de Setembro

Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tornou virtual o seu compromisso desta quarta-feira (22) com o subchefe de Assuntos Jurídicos da Presidência da República, Pedro Cesar Souza.

O encontro constava na agenda oficial de Bolsonaro. Estava programado para ocorrer 15h, no Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo. Agora, o encontro será por videoconferência. É com o subchefe que o presidente da República despacha diariamente.

A mudança ocorre após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendar quarentena para todos os integrantes da comitiva que viajou a Nova York, nos Estados Unidos, para participar da 76ª Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidos).

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, foi confirmado com covid e não retornou ao país. As demais autoridades que estiveram com ele, por protocolo, devem ficar isoladas para reduzir os riscos de transmissão da doença.

Além do compromisso da tarde desta quarta-feira (22), Bolsonaro cancelou a viagem que faria ao Paraná nesta sexta-feira (24). A informação foi divulgada pelo líder do governo na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros (PP-PR).

O presidente cumprirá a norma de quarentena determinada pela Anvisa. Inicialmente, Bolsonaro ficará em isolamento por cinco dias e fará um exame para detectar a presença do vírus no 6º.

Últimas