Brasília Audiência pública sobre vacinação de crianças ocorre nesta terça-feira

Audiência pública sobre vacinação de crianças ocorre nesta terça-feira

Especialistas se reúnem para discutir vacinação de crianças de 5 a 11 anos com imunizante da Pfizer contra a Covid-19

  • Brasília | Carlos Eduardo Bafutto, do R7, em Brasília

Anvisa já havia autorizado em 16 de dezembro o uso do fármaco para o público infantil

Anvisa já havia autorizado em 16 de dezembro o uso do fármaco para o público infantil

Reprodução/Freepik

Especialistas em imunização participam nesta terça-feira (4) de uma audiência pública sobre a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19. De acordo com o Ministério da Saúde, será discutido o documento disponibilizado para a consulta pública que terminou no domingo (2).

O resultado da consulta pública será divulgado nesta quarta-feira (5). "O objetivo disso é fornecer aos pais informações necessárias para que eles possam tomar melhores decisões para os seus filhos. E nós estamos com os pais e com as mães", disse o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Apesar da consulta, os governadores de diversos estados já afirmaram que, independentemente do resultado, vão vacinar crianças sem necessidade de prescrição médica, de acordo com as orientações da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A Anvisa já havia autorizado, em 16 de dezembro, o uso do fármaco para o público infantil. A medida foi criticada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). Desde então, servidores da agência envolvidos na liberação passaram a ser alvo de ameaças.

Na última sexta-feira (31), a ministra do STF (Supremo Tribunal Federal) Cármen Lúcia determinou que o presidente Bolsonaro e o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, prestem esclarecimentos sobre a realização de consulta pública acerca da vacinação contra a Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos.

O ministro afirmou nesta segunda-feira (3) que as vacinas da Pfizer/BioNTech específicas para crianças entre 5 e 11 anos devem chegar ao Brasil a partir de 15 de janeiro, mas não informou quando começará a imunização infantil.

Queiroga vinha dizendo que a vacinação começaria já na primeira quinzena de janeiro. O ministro do STF Ricardo Lewandowski definiu o dia 5, esta quarta-feira, como a data-limite para o governo se manifestar sobre a inclusão de crianças no PNI (Plano Nacional de Imunização).

Últimas