Balanço Geral DF Corpo de vigilante estava no IML mas família não foi informada

Corpo de vigilante estava no IML mas família não foi informada

Jorge Wilker estava desaparecido desde maio e teve partes do corpo encontradas em matagal

Após mais de três meses, uma família descobriu que um homem desaparecido já havia sido identificado no IML, mas não foram comunicados. Jorge Wilker estava desaparecido desde maio e teve partes do corpo encontradas por um cachorro em matagal de Taguatinga. O homem, de 31 anos, trabalhava como vigilante em Águas Claras. Corpo ainda não foi liberado e polícia segue investigando como Jorge morreu.

Últimas