STF

Brasília Bolsonaro apresenta teste negativo para ir à posse de Mendonça no STF

Bolsonaro apresenta teste negativo para ir à posse de Mendonça no STF

Documento foi enviado nesta quarta-feira (15) para a Corte mais alta do país; posse do novo ministro será nesta quinta (16)

  • Brasília | Plínio Aguiar, do R7, em Brasília

O presidente Jair Bolsonaro (PL) e André Mendonça, novo ministro do STF

O presidente Jair Bolsonaro (PL) e André Mendonça, novo ministro do STF

Carolina Antunes/PR - 29.04.2020

O presidente Jair Bolsonaro (PL) enviou, nesta quarta-feira (15), o teste negativo para Covid-19 e confirmou presença na posse de André Mendonça como ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), que vai ocorrer nesta quinta-feira (16).

Para ingressar nas dependências da mais alta Corte do país, é necessária a apresentação do comprovante de imunização contra a Covid-19 e, para pessoas não vacinadas, do teste RT-PCR realizado nas últimas 72 horas com resultado negativo. As regras para ingresso nos prédios estão contidas na resolução 748/2021.

Mendonça toma posse como ministro do STF nesta quinta-feira (16), às 16h. O ex-advogado-geral da União e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública é o segundo nome indicado por Bolsonaro – o primeiro foi Nunes Marques.

O nome de Mendonça foi aprovado pelo plenário do Senado em 1º de dezembro. Na ocasião, ele teve o voto favorável de 47 senadores – eram necessários 41 votos para que a indicação fosse aprovada – e o voto contrário de 32.

Mendonça vai ocupar a cadeira deixada por Marco Aurélio Mello, que se aposentou após 32 anos como ministro, e assumirá mais de mil processos a ser julgados – entre eles, 23 ações que correm sob sigilo.

Últimas