Brasília Bossanova lança comitê para investir R$ 5 milhões em startups

Bossanova lança comitê para investir R$ 5 milhões em startups

O projeto destinará o valor a 15 startups com modelos de negócio B2B em todos os estados do Brasil

  • Brasília | Do R7

Bossanova Investimentos

Bossanova Investimentos

Bossanova Investimentos/Divulgação

A Bossanova Investimentos, fundo voltado para startups em estágio inicial, lançou um comitê para investir até R$ 5 milhões em 15 negócios B2B, em que o cliente final é uma outra empresa. As startups interessadas podem se inscrever no site.

No programa, as startups poderão montar suas próprias operações com a estrutura de uma célula de investimento em startups. Para fazer parte do programa, os negócios devem ter pelo menos um ano e meio de vida e faturar no mínimo R$ 20 mil mensais. Os escolhidos vão receber o aporte financeiro e serão acompanhados por mentores.

Leia também: GDF investe R$ 5 milhões para crescimento de 50 startups

“Reunir nomes de grande relevância, que tenham experiência em investimento em startups e conheçam a fundo o segmento é a forma mais assertiva de encontrar empresas que tenham potencial para ganhar escalabilidade tanto no cenário nacional, quanto internacional", explica João Kepler, CEO da Bossanova.

Após a avaliação das startups pela Bossanova, as startups serão escolhidas por um comitê formado por Davi Oliveira, executivo do mercado de tecnologia, Marcelo Hodge Crivella, fundador do RiseUp, e outros executivos de diferentes áreas.

A estratégia de investimento foi nomeada de Goshen Land, um local que aparece no livro do Gênesis e é mencionado como um lugar fértil. “Acreditamos que as startups que participarem desta estratégia de investimento serão prósperas e vão conseguir progredir”, diz Dema Oliveira, um dos líderes do comitê.

Últimas