Brasília DF tem 268 mil crianças aptas a se vacinar contra a Covid-19

DF tem 268 mil crianças aptas a se vacinar contra a Covid-19

Após liberação da Anvisa, a Secretaria de Saúde aguarda a liberação do governo federal para iniciar a imunização

  • Brasília | Luiz Calcagno, do R7, em Brasília

Vacinação de adolescentes no DF

Vacinação de adolescentes no DF

Breno Esaki/Agência Saúde

O secretário de Saúde do Distrito Federal, Manoel Pafiadache, começou a coletiva de imprensa sobre as ações de combate à pandemia de Covid-19 falando da população de crianças da capital. Segundo Pafiadache, o DF tem 268 mil crianças acima de 5 anos e a pasta aguarda uma portaria do Ministério da Saúde para começar a vacinar essa parcela da população.

A fala ocorreu após um posicionamento da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que anunciou, nesta quinta-feira (16), a autorização para vacinar as crianças de 5 a 11 anos com o imunizante da Pfizer. O ciclo vacinal dos pequenos é de duas doses com três semanas de intervalo entre as aplicações.

“Estamos aguardando uma portaria do MS para aguardar o que fazer e quando fazer com as doses que estão vindo para o DF. Nessa faixa, temos em torno de 268 mil crianças. Esse é o efetivo que vamos deliberar quando liberado pelo Ministério da Saúde”, destacou o secretário. Por enquanto, não há previsão de aplicação de vacinas contra a Covid-19 em crianças na capital.

Além dos pequenos, 221 mil pessoas que poderiam estar vacinadas ainda não procuraram os postos. São 44 mil adolescentes de 12 a 17 anos e 177 mil adultos acima dos 18 anos. Somado com o público infantil, a capital tem quase meio milhão de pessoas que ainda não tomaram a vacina contra a Covid.

Cobertura vacinal

O subsecretário substituto de Vigilância à Saúde, Fabiano dos Anjos, destaca que a recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde) é de uma cobertura vacinal de 85% a 95%. “Vacinar é um ato de cidadania. Existem pessoas que não podem se vacinar por sua condição de saúde. Quando temos uma alta cobertura vacinal, os vacinados protegem os que não podem se vacinar. Essa é ideia da proteção coletiva, é nesse sentido”, alertou.

Dos Anjos destacou que, somente com a imunização de parte da população de 12 anos ou mais, a capital federal já conseguiu diminuir o número de hospitalizações e mortes por Covid-19. “É a perseguição de uma manutenção de uma alta cobertura vacinal que vai dar para os cidadãos do DF a segurança e a tranquilidade no enfrentamento da transmissão da Covid”, disse o subsecretário.

Até esta quinta (16), a Secretaria de Saúde já aplicou 4.647.698 doses de vacina, sendo 2.298.390 de dose 1, 2.020.619 de dose 2, 58.362 doses únicas de Janssen, outras 260.310 doses de reforço e mais 9.336 doses adicionais para pacientes imunossuprimidos. Ao todo, 80% do público acima de 12 anos já está com o ciclo de duas doses completo.

Últimas