Brasília Ex-PM de Goiás é preso após briga e disparos em bar de Ceilândia (DF)

Ex-PM de Goiás é preso após briga e disparos em bar de Ceilândia (DF)

Homem participou de uma confusão, foi embora, mas voltou armado e efetuou disparos contra os clientes. Ninguém se feriu

  • Brasília | Jéssica Moura, do R7, em Brasília

Polícia quer identificar os dois autores do crime em Ceilândia

Polícia quer identificar os dois autores do crime em Ceilândia

PCDF

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu um ex-policial militar de Goiás que efetuou vários disparos após uma briga em um bar de Ceilândia, na quarta-feira (13). A confusão começou na madrugada, no estabelecimento localizado na EQNP 13/9. O homem e outros frequentadores teriam discutido. O ex-policial chegou a sair do local, deixando cair um revólver calibre .38 com cinco munições.

Ele foi em casa e pegou outra arma, uma pistola calibre 380. Armado, voltou ao bar e disparou contra os clientes com quem tinha brigado, e, em seguida, fugiu. Ninguém se feriu.

No início da tarde de quarta, o homem foi localizado pela Polícia Civil do DF. Com ele, os agentes encontraram a pistola utilizada no crime, com 15 munições intactas. Ele foi preso em flagrante.

A 19ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) investiga o caso. Ele pagou fiança e foi liberado. O homem vai responder por disparo de arma de fogo e porte ilegal, já que, segundo a polícia, por ser ex-PM, ele só teria autorização para a posse da arma de fogo (quando não é permitido circular nas ruas com a arma). 

Últimas