Brasília Iphan dá parecer contrário a projeto de revitalização do SCS

Iphan dá parecer contrário a projeto de revitalização do SCS

Projeto Viva Centro previa converter 30% da área da região em imóveis residenciais e já tinha sido aprovado em audiência pública

Com o parecer do Iphan, o Viva Centro fica paralisado por enquanto.

Com o parecer do Iphan, o Viva Centro fica paralisado por enquanto.

Reprodução/Google Street View

O Iphan deu parecer contrário ao projeto de revitalização do Setor Comercial Sul (SCS) Viva Centro. O projeto previa converter 30% da área da região em imóveis residenciais e já tinha sido aprovado em audiência pública.  A proposta estava pronta para ser encaminhada pelo GDF à Câmara Legislativa.

Com o parecer do Iphan, o Viva Centro fica paralisado por enquanto, o que irritou as entidades que representam o comércio local e o governo. Segundo eles, o Iphan  já tinha sinalizado que aprovaria a ideia, mas voltou atrás.

O órgão apontou que são necessários outros estudos técnicos com detalhamento mais aprofundado da proposta. O secretário de desenvolvimento urbano e habitação do DF, Mateus de Oliveira, lamentou a decisão do Iphan. Ele explicou que o GDF não vai desistir do projeto, mas que o processo ficará bem mais lento.

“Os estudos pedidos pelo Iphan serão realizados como parte do plano de trabalho, porém numa segunda fase. Agora, será preciso muito mais tempo. O Viva Centro é necessário para reverter o processo de degradação da área”, afirmou.

Segundo o secretário, a prioridade agora vai ser o plano de preservação do conjunto urbanístico de Brasília, PPCUB. O Viva Centro é apoiado por entidades representativas do comércio que, inclusive, têm sede no Setor Comercial Sul, como Fecomércio-DF, Sindivarejista e Associação Comercial.

"A habitação é necessária lá para dar vida à região, durante à noite e também nos finais de semana. Introduzir um percentual de moradias  não descaracterizaria o perfil do setor, que continuaria sendo preponderantemente comercial", argumentou o secretário de habitação.

Últimas