Brasília Júri condena homem que usou o carro para tentar matar desafeto

Júri condena homem que usou o carro para tentar matar desafeto

O réu foi considerado culpado por por tentativa de homicídio qualificado; ele tentou matar o desafeto após uma discussão

  • Brasília | Luiz Calcagno, do R7, em Brasília

Tribunal do Júri de Águas Claras

Tribunal do Júri de Águas Claras

reprodução - OAB/DF

A Justiça condenou por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil e sem possibilidade de defesa da vítima, um homem que usou o carro para tentar matar um desafeto. Jeifran Gregório Medeiros atropelou a vítima após se irritar com o fato de a pessoa acender um cigarro. O Tribunal do Júri de Águas Claras acolheu a denúncia do Ministério Público e sentenciou Jeifran a 8 anos de prisão e 6 meses de detenção pelo crime.

Além da condenação, o réu teve suspenso o direito de dirigir por seis meses pois dirigia alcoolizado no momento em que cometeu a tentativa de homicídio. A vítima teve que passar por várias cirurgias e ficou com sequelas nas pernas. O crime aconteceu em dezembro de 2018, na Colônia Agrícola Arniqueiras, em Águas Claras.

VEJA TAMBÉM: ADVOGADO QUE ATROPELOU MULHER APÓS BRIGA DE TRÂNSITO SERÁ TRANSFERIDO PARA A PAPUDA

No dia do crime, Jeifran ficou incomodado porque a vítima acendeu um cigarro em um bar na região. Os dois discutiram. Posteriormente, já no carro, o agressor viu o homem à pé e se aproveitou da situação para atropelar a vítima. Depois do atropelamento, Jeifran fugiu sem prestar socorro.

Ao proferir a sentença, o magistrado destacou a gravidade dos ferimentos da vítima. “Em decorrência da ação homicida empregada pelo acusado, a vítima veio a suportar lesões corporais graves, tendo em vista que restou incapacitado de exercer suas ocupações habituais, por mais de 30 dias. Além disso, conforme se verificou nesta data, quando da sua oitiva, a vítima apresenta debilidade permanente do membro locomotor”, disse o juiz. Embora tenha sido condenado, Jeifran poderá recorrer da sentença em liberdade.

Últimas