Marília Mendonça

Brasília Marília Mendonça: motores do avião foram arrancados no impacto

Marília Mendonça: motores do avião foram arrancados no impacto

Especialistas do setor aeronáutico dizem que impacto extremo fez motores ser arremessados quando a aeronave tocou o solo

  • Brasília | Emerson Fraga, do R7, em Brasília, e Luiz Fara, da Record TV

Equipes do Cenipa atuam na perícia do avião, que caiu em Caratinga (MG)

Equipes do Cenipa atuam na perícia do avião, que caiu em Caratinga (MG)

Divulgação/Cenipa

Os dois motores do avião que caiu com a cantora Marília Mendonça foram encontrados a cerca de 30 metros de distância do local onde a aeronave teve contato com o solo. O avião caiu na sexta-feira (5) em uma região pedregosa de um rio em Caratinga (MG).

Segundo fontes ouvidas pelo repórter da Record TV e colunista do R7 Luiz Fara, isso indica que os motores foram as primeiras partes do avião a bater no solo e que a força extrema da colisão fez com que fossem arremessados para longe da aeronave.

Ainda segundo os especialistas, os motores provavelmente estavam na fuselagem do avião até a queda – ou seja, nenhum deles havia se soltado antes. Isso aconteceu mesmo em um terreno irregular e cheio de pedras, o que revelaria a intensidade do choque entre o avião e o solo.

A cantora viajava a trabalho e faria shows pelo estado de Minas Gerais. Mais quatro pessoas estavam a bordo do avião: o produtor Henrique Ribeiro, o tio e assessor Anicieli Silveira Dias Filho, o piloto Geraldo Martins de Medeiros Júnior e o copiloto Tarciso Pessoa Viana.

Velórios

Marília Mendonça e Anicieli Silveira Dias Filho foram velados no Ginásio Goiânia Arena e sepultados no Cemitério Parque Memorial, também na capital goiana, no fim da tarde deste sábado (6).

Os corpos do piloto e do copiloto que comandavam o avião serão velados neste domingo (7) em Brasília. A previsão é que os corpos de Geraldo Martins de Medeiros e de Tarciso Pessoa Viana cheguem ao Distrito Federal por volta das 4h. O velório de Geraldo está programado para acontecer a partir das 8h no cemitério Campo da Esperança da Asa Sul. Já Tarciso será velado às 11h no Campo da Esperança de Taguatinga.

Os corpos dos comandantes foram liberados pelo Instituto Médico-Legal (IML) na manhã de sábado (6) e aguardavam o translado de Minas Gerais para Brasília, de responsabilidade da empresa PEC Táxi Aéreo, onde eles trabalhavam.

Últimas