Brasília Obra de viaduto entre o Itapoã e Paranoá é lançada nesta quarta

Obra de viaduto entre o Itapoã e Paranoá é lançada nesta quarta

Custo do empreendimento será de R$ 33 milhões. Conclusão é estimada em um ano

  • Brasília | Jéssica Moura, do R7, em Brasília

Construção do viaduto no balão do Itapoã com o Paranoá tem prazo de conclusão de 360 dias

Construção do viaduto no balão do Itapoã com o Paranoá tem prazo de conclusão de 360 dias

Renato Alves / Agência Brasília

A construção do viaduto entre o Itapoã e Paranoá vai começar nesta quarta-feira (29). A obra vai custar R$ 33.151.260,72 aos cofres públicos e a contratação do conjunto de empresas responsáveis pela execução do projeto foi feita pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). 

Durante a solenidade de início das obras, o governador Ibaneis Rocha (MDB) assinou a ordem de serviço da obra e ressaltou que o trecho onde o viaduto será construído é um ponto de engarrafamentos. "É uma dificuldade de toda essas famílias que circulam aqui, do Itapoã, Paranoá e as que vêm de Sobradinho", ponderou.

"(A obra) Vai causar nos próximos 360 dias muito transtorno para a nossa população, mas que ao final vai entregar muita alegria para o povo da região", afirmou o governador. 

O diretor-geral do DER, Fauzi Nacfur, ressaltou que serão neessárias adaptações no terreno para a abertura das novas vias, por conta de áreas de onde há redes de alta tensão e campos esportivos, por exemplo. "Campo e pista de atletismo vão continuar no mesmo lugar", assegurou Ibaneis.

Nacfur destacou que a construção deve ficar pronta em pelo menos um ano. "Vamos eliminar minutos, uma hora, que vocês ficam de manhã no engarrafamento por causa do trânsito", ponderou.

O empreendimento prevê a edificação de dois viadutos no entroncamento das duas cidades, entre a DF-001 (Estrada Parque Contorno) e a DF-015. As alças darão acesso ao Itapoã e Paranoá, com ciclovias e ciclofaixas. A estimativa do governo é que 30 mil veículos trafegam pela região diariamente.

Outra pista que deve passar por reformas é a DF-250. O governo pretende licitar as obras para duplicação da avenida. "É um tormento para as famílias que moram na região", disse Ibaneis sobre o trânsito na via.

Últimas