Brasília Polícia do DF investiga grupo que instigava suicídio de jovens via web 

Polícia do DF investiga grupo que instigava suicídio de jovens via web 

Mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão foram expedidos contra 4 pessoas em São Paulo, Rio de Janeiro e Goiás

  • Brasília | Do R7

Suspeito de integrar rede de estímulo ao suicídio de jovens é preso

Suspeito de integrar rede de estímulo ao suicídio de jovens é preso

Polícia Civil do DF/Reprodução

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga integrantes de uma rede que, pelo WhatsApp, estimulava o suicídio de jovens. As investigações tiveram início depois da morte de uma moça de 19 anos por ingestão de veneno, em fevereiro.

Em razão das investigações, a Justiça expediu mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão contra quatro pessoas identificadas como integrantes atuantes do grupo.

Os mandados estão sendo cumpridos em um endereço em Goiânia, dois em Aparecida de Goiânia (GO), dois em São Paulo, um em São Roque (SP) e um no Rio de Janeiro.

Números
Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam cerca de 800 mil casos anuais de suicídio no mundo e 12 mil por ano no Brasil, o que faz do país o oitavo nesse tipo de ocorrência.

Últimas