Brasília Saúde do DF retoma parcialmente vacinação de adolescentes

Saúde do DF retoma parcialmente vacinação de adolescentes

GDF vai remanejar doses para continuar a imunização. Expectativa é que uma nova remessa chegue nesta semana

  • Brasília | Priscila Mendes, do R7, em Brasília

Vacinação de adolescentes no DF continua nesta quarta-feira (13)

Vacinação de adolescentes no DF continua nesta quarta-feira (13)

RecordTV

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal retomou parcialmente a vacinação de adolescentes nesta quarta-feira (13). Mesmo sem o GDF receber novas doses da Pfizer, jovens de 12 a 17 anos podem procurar os postos para a imunização contra a Covid-19. A medida vai ser possível após um remanejamento das doses disponíveis. No entanto, vacinação fica restrita aos postos de Planaltina e Sobradinho. Ao todo, serão aplicadas 1,5 mil imunizantes para esse público. Confira os locais de vacinação 

No feriado, a imunização para adolescentes chegou a ser suspensa por conta da falta de doses da Pfizer para a primeira aplicação, a única que é indicada para a faixa-etária. Na segunda-feira (11), a Secretaria de Saúde até recebeu 40.950 novas doses, mas informou que o montante será utilizado exclusivamente para atender pessoas que vão completar o esquema vacinal.

Estima-se que ainda são necessárias 80 mil unidades da Pfizer para imunizar todo o público de 12 a 17 anos no DF. A expectativa é que uma nova remessa chegue nesta semana. Mas, em nota, a Secretaria de Saúde do DF informou que não recebeu "nenhuma pauta de confirmação do envio de novas doses da Pfizer pelo Ministério da Saúde".

Ao R7, o MS informou que 1,9 milhão de doses da Pfizer desembarcaram no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), no último sábado (9), para fortalecer o Plano Nacional de Imunizações (PNI). Esse lote é o primeiro entregue referente ao segundo contrato firmado pelo Ministério com a farmacêutica, que prevê a entrega de mais 100 milhões de doses até o fim de 2021.

Antes de serem aplicados nos postos de vacinação, os imunizantes vão passar por um processo rigoroso de controle de qualidade. O MS não informou sobre a distribuição para o DF. 

Últimas