Brasília Táxi perde controle e para em grade de proteção da Epia, no DF

Táxi perde controle e para em grade de proteção da Epia, no DF

Frente do carro ficou destruída; cinco pessoas estavam no veículo, mas ninguém se feriu com gravidade, segundo os bombeiros

  • Brasília | Do R7, em Brasília

Um táxi perdeu o controle e acertou em cheio a grade de proteção que divida a pista principal da faixa exclusiva do BRT, na Estrada Parque Indústria e Abastecimento (Epia Sul), no Distrito Federal. O acidente aconteceu no trecho do Gama, próximo ao Catetinho, sentido Plano Piloto, na manhã desta terça-feira (28). Segundo o Corpo de Bombeiros, cinco pessoas estavam no carro, mas ninguém se feriu com gravidade.

Um vídeo divulgado pela corporação mostra a frente do veículo destruída após se chocar contra a grade. Por volta de 6h20, uma das faixas da pista principal e outra faixa da pista exclusiva do BRT estavam bloqueadas. Havia retenção no trânsito devido ao atendimento à ocorrência.

Táxi acertou grade de proteção entre a pista principal e a faixa exclusiva do BRT, na Epia Sul

Táxi acertou grade de proteção entre a pista principal e a faixa exclusiva do BRT, na Epia Sul

Corpo de Bombeiros/Divulgação

Os bombeiros informaram que o motorista, identificado como Sebastião, de 43 anos, foi atendido após se queixar de  dores na região do tórax. Uma mulher chamada Dulcineia, de 52 anos, teve trauma de face, e outra, chamada Crislene, 36, teve dores na cintura . Os três estavam conscientes, orientados e estáveis e foram transportados ao Hospital Regional de Santa Maria.

Outras duas mulheres se feriram no acidente e foram transportadas ao Hospital de Base, conscientes e estáveis. Uma delas, Jackeline, de 43 anos, se queixava de dores na cabeça, onde havia um hematoma, e nos membros inferiores. A passageira identificada como Abadia, de 38 anos, se queixava de dores na perna esquerda e tinha um corte na face.

Para o atendimento, o Corpo de Bombeiros empregou três carros da corporação e dez militares. Depois do atendimento ás vítimas, o local ficou aos cuidados da Polícia Militar. 

Últimas