Carros Yamaha Ténéré 700 sai do papel, mas ainda está longe do Brasil

Yamaha Ténéré 700 sai do papel, mas ainda está longe do Brasil

Grande lançamento da marca japonesa, aventureira que foi apresentada no Salão de Milão chegará à Europa somente em meados de 2019

Nova Ténéré

Nova Ténéré parou estande da Yamaha na Itália

Nova Ténéré parou estande da Yamaha na Itália

WM1

Muito se falou sobre a chegada da substituta da Yamaha Ténéré 660. Há mais de um ano, um protótipo chamada T7 surgiu, logo depois, no mesmo Salão de Milão, a Yamaha mostrou esse embrião da nova aventureira. Muita coisa passou e, finalmente, neste ano, ela apareceu.

A notícia seria digna de comemoração para os fãs de trilhas, barro e desbravamentos, não fosse pela data de chegada do modelo à Europa: meados de 2019. Ou seja, se tivermos sorte, a nova Ténéré será mostrada no Salão Duas Rodas, no fim do ano que vem.

Leia mais: Volkswagen revela Virtus e Polo GTS Concept

Banco fino não passa conforto, mas coloca piloto em posição agressiva

Banco fino não passa conforto, mas coloca piloto em posição agressiva

Divulgação/Yamaha

Pessimismos à parte, a nova Ténéré parou o estande da Yamaha. Não que ela seja assim, exatamente, bonita. Pelo contrário. O banco fino não passa muito conforto, mas coloca o piloto em posição bastante agressiva. Fica claro que o foco são as expedições fora de estrada: seu tanque de 16 litros pode levar a moto a 350 km de distância sem abastecer.

Leia também: McLaren Senna de R$ 8 milhões é destaque no Salão

Outro ponto que mostra que a nova Ténéré nasceu para cruzar desertos é o quadro de berço duplo, feito de aço reforçado e conjunto de suspensão longo (210 mm na dianteira e 200 mm na traseira). O motor é o mesmo da nossa conhecida MT-07. Um bicilíndrico de 689 cc e 75 cv.

Conheça os destaques do Salão do Automóvel de São Paulo 2018

    Access log