Cidades Adriano parabeniza governador e sua equipe pela eficiência da gestão fiscal e rating AA+

Adriano parabeniza governador e sua equipe pela eficiência da gestão fiscal e rating AA+

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, parabenizou nessa quinta-feira (3) o governador João Azevêdo e sua equipe pela eficiência do Governo do Estado no enfrentamento das pressões dos gastos impostos pela pandemia da Covid-19, bem como a capacidade de endividamento e o superávit operacional. A Paraíba conquistou o rating AA+ na […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: Divulgação

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, parabenizou nessa quinta-feira (3) o governador João Azevêdo e sua equipe pela eficiência do Governo do Estado no enfrentamento das pressões dos gastos impostos pela pandemia da Covid-19, bem como a capacidade de endividamento e o superávit operacional.

A Paraíba conquistou o rating AA+ na análise da Standard & Poor’s Financial Services (S&P Global Ratings), umas das maiores agências de classificação de risco do mundo.

A nota coloca a Paraíba em destaque nacional por estar entre os estados brasileiros mais eficientes em suas gestões fiscal e econômica.

“O governador e seus auxiliares continuam trabalhando incansavelmente, mesmo depois de mais de um ano de pandemia. É um reconhecimento merecedor, e todos nós, que lutamos por uma Paraíba melhor e mais justa para o povo paraibano, parabenizamos João Azevedo pelas ações realizadas”, ressaltou Adriano Galdino.

O rating analisa a probabilidade de um ente público ou privado de honrar com seus compromissos financeiros, auxiliando na obtenção de novos mercados e no aumento da transparência. A nota AA+ representa a capacidade muito forte de a Paraíba cumprir com suas obrigações financeiras.

A S&P é uma divisão do grupo McGraw-Hill que publica análises e pesquisas sobre bolsas de valores e títulos, sendo uma das três maiores agências de classificação de risco, ao lado da Moody’s e da Fitch Ratings.

Últimas