Cidades Cabedelo vacina pessoas sem comorbidades com 52 anos ou mais a partir desta segunda-feira (7)

Cabedelo vacina pessoas sem comorbidades com 52 anos ou mais a partir desta segunda-feira (7)

A partir desta segunda-feira (7), a cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa, amplia a vacinação contra a Covid-19 para pessoas acima de 52 anos sem comorbidades. Também seguem sendo imunizadas pessoas que fazem parte de outros grupos prioritários anteriormente anunciados, mas que por algum motivo ainda não se vacinaram. As vacinas estarão disponíveis no […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: imagem ilustrativa/Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A partir desta segunda-feira (7), a cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa, amplia a vacinação contra a Covid-19 para pessoas acima de 52 anos sem comorbidades.

Também seguem sendo imunizadas pessoas que fazem parte de outros grupos prioritários anteriormente anunciados, mas que por algum motivo ainda não se vacinaram.

As vacinas estarão disponíveis no Cabedelo Clube, no Centro (das 8h às 14h) e na Farmácia Pague Menos, em Intermares (das 9h às 14h).

Campanha

Apesar do avanço no grupo apto a receber a vacina, Cabedelo segue imunizando os demais grupos:

Pessoas com comorbidades a partir de 18 anos; Professores dos ensinos infantil, fundamental I e II, médio, profissionalizante, Educação de Jovens e Adultos (EJA) e superior que atuam no município; Pessoas a partir de 18 anos com deficiência permanente; Pessoas com síndrome de Down e TEA Pessoas em situação de rua; Profissionais da saúde que atuam no município.

Documentação

Para ter acesso à imunização, é necessário levar Identidade (RG) com foto, CPF e Cartão do SUS. Para os portadores de comorbidades, ainda é preciso levar original e cópia de laudo médico e receita atualizados que comprovem a doença.

Para os profissionais da saúde, além dos documentos de identidade, é necessário apresentar a carteira do conselho e comprovação de que atua em algum serviço de saúde.

A imunização das pessoas em situação de rua acontece no Centro Pop e na Casa de Passagem.

Para os profissionais da educação, é exigida a apresentação de contracheque atual e declaração da escola, contendo função e especificando ser dos respectivos níveis de ensino.

Últimas