Cidades Café da Usina reabre com apresentações de artistas locais

Café da Usina reabre com apresentações de artistas locais

Neste fim de semana acontece a reabertura parcial do Café da Usina,

Portal Correio

Neste fim de semana acontece a reabertura parcial do Café da Usina, na Usina Energisa. O espaço volta a funcionar com apresentações voz e violão – sem banda – e com a capacidade máxima reduzida a 30%. Nesta quinta-feira (24), o repertório musical será por conta de Wister. Na sexta (25), a apresentação é de Ock Soares e no sábado (26), é a vez de Fábio Torres animar a noite. Os shows começam a partir das 21h e a entrada custa R$ 15, cada.

Leia também:

‘Funesc Entrevista’ recebe Vant Vaz e Paloma Diniz

A Usina foi equipada e adaptada para este momento, respeitando todas as orientações da OMS e os decretos municipal e estadual. No dia da realização dos eventos, o uso de máscaras dentro dos ambientes de circulação, desde o estacionamento até o Café, será obrigatório. Na entrada, o público também passará por aferição da temperatura corporal e terá a sua disposição expositores com álcool em gel a 70%, além de espaços adaptados com água corrente e sabão líquido para higienização das mãos. Antes e após cada evento os espaços passaram por limpeza e desinfecção e as portas e janelas serão abertas.

Retomada

Fechada desde o dia 16 de março devido à pandemia do coronavírus, a Usina adotou um protocolo rígido com diversas medidas visando a saúde e segurança dos funcionários e visitantes.

“Para iniciar a fase de reabertura, começaremos com a reabertura gradativa do café, no qual os artistas se apresentarão sem banda e a capacidade dos espaços será reduzida”, afirma Lívia Karol Araújo, gerente de comunicação e marketing da Energisa. Os demais espaços da Usina Energisa, como Museu Espaço Energia, Sala Vladimir Carvalho, Tenda da Música e galerias de arte continuam fechados ao público.

Últimas