Casos de crimes virtuais aumentam e preocupam consumidores

Comprar pela internet é prático e se tornou ainda mais comum neste

Comprar pela internet é prático e se tornou ainda mais comum neste ano. A pandemia de coronavírus alavancou o comércio por meios digitais, mas acendeu um alerta importante: é preciso saber se proteger contra crimes virtuais.

A babá Lígia Cristina Tomaz caiu em um golpe ao tentar comprar um carro pela internet. Ela só percebeu a fraude depois de transferir R$ 1.500 para os criminosos. Ao exigir o dinheiro de volta, Lígia foi ameaçada. Record TV e TV Correio mostram como fugir da mira de estelionatários virtuais. Assista ao vídeo acima.