Cidades Construção civil cresce na Paraíba e João Pessoa concentra 88% das novas contratações em 2020, diz Sinduscon

Construção civil cresce na Paraíba e João Pessoa concentra 88% das novas contratações em 2020, diz Sinduscon

A construção civil de João Pessoa registrou salto na geração de empregos com carteira assinada em 2020. Mesmo com a pandemia do novo coronavírus e o período de paralisação dos canteiros de obra na capital paraibana, o setor conseguiu fechar o ano muito melhor do que iniciou. Os dados, coletados no Cadastro Geral de Empregados […]

Portal Correio
Foto: Acervo/Jornal Correio da Paraíba

A construção civil de João Pessoa registrou salto na geração de empregos com carteira assinada em 2020. Mesmo com a pandemia do novo coronavírus e o período de paralisação dos canteiros de obra na capital paraibana, o setor conseguiu fechar o ano muito melhor do que iniciou.

Os dados, coletados no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, foram divulgados pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil de João Pessoa (Sinduscon-JP).

No início de 2020, a Paraíba tinha 33.463 trabalhadores formais na construção civil e o setor fechou o ano com 39.793, um incremento de 6.330 contratações.

A Capital se destaca neste cenário. Em janeiro, eram 18.766 trabalhadores com carteira assinada pelo segmento na cidade. Ao longo do ano, o número foi crescendo até atingir 24.372. Ou seja, das 6.330 vagas de emprego, 5.606 foram geradas em João Pessoa. O número representa 88,56% do total. O melhor mês na Capital foi novembro, que fechou com 2.784 novos trabalhadores.

Conforme o Sinduscon-JP, o número de trabalhadores formais da construção civil apresentou tendência de queda entre março e maio, mas se recuperou a partir de junho, traçando uma trajetória de resultados positivos nos sete meses seguintes.

Últimas