Correio do Povo Número de gols sofridos e queda de rendimento preocupam Inter na reta final

Número de gols sofridos e queda de rendimento preocupam Inter na reta final

Nos últimos 12 jogos, time de Odair Hellmann sofreu 15 tentos

Nos últimos 12 jogos, time de Odair Hellmann sofreu 15 tentos

Odair terá que solucionar os problemas do Inter para evitar saída do G4 Crédito: Fabiano do Amaral

Odair terá que solucionar os problemas do Inter para evitar saída do G4 Crédito: Fabiano do Amaral

Correio do Povo

O Inter sofreu 15 gols nos últimos 12 jogos. E esses números ajudam a explicar o momento do time colorado, que está longe de ser o melhor no Brasileirão. Depois de oito meses de invencibilidade no Beira-Rio, perdeu para o Atlético-MG na noite de quarta-feira e deixou sob risco a sua vaga no G-4, que garante uma vaga na fase de grupos da Libertadores. Por isso, só a vitória interessa ao Inter neste domingo diante do Fluminense, outra vez em casa. Além disso, foi a segunda derrota consecutiva, algo que o Inter ainda não experimentara na competição. “Pela primeira vez aconteceu uma sequência de duas derrotas. Agora, temos que trabalhar para buscar a retomada. Vamos assistir ao jogo, ver o que erramos e buscar corrigir, como fizemos sempre. Precisamos da vitória domingo para coroar nossa campanha no Beira-Rio e chegar o mais longe possível no Brasileirão”, disse Odair Hellmann, após a partida. Sem tempo para treinar - ainda menos para se lamentar -, o técnico já orientou um treinamento ontem à tarde no CT Parque Gigante. Apesar de não confirmar, ele pode fazer mudanças na equipe para enfrentar o Fluminense. Patrick, por exemplo, pode ceder a vaga para Camilo, mudança que já ocorreu durante a derrota para o Atlético-MG. “Acho que as outras equipes nos observaram e perceberam que havia bons jogadores na nossa equipe. Passaram a nos respeitar e a marcar nossas jogadas Mas isso não serve como desculpa. Temos que buscar a recuperação, pois temos objetivos no Brasileiro”, finaliza Patrick.