Cidades Covid-19: uso de máscara passa a ser obrigatório em Mato Grosso do Sul

Covid-19: uso de máscara passa a ser obrigatório em Mato Grosso do Sul

Segundo o governo estadual, item é obrigatório em órgãos e entidades públicas; regra também vale em restaurantes, shoppings e supermercados

  • Cidades | Do R7

Item também é recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde)

Item também é recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde)

Pixabay

O uso de máscaras faciais, recomendado pelo Ministério da Saúde para conter a transmissão do novo coronavírus, passa a ser obrigatório a partir desta segunda-feira (22) em todos os municípios do Mato Grosso do Sul. Decreto foi publicado no Diário Oficial. 

De acordo com o documento, é "obrigatório o uso em órgãos, instituições e entidades públicas; estabelecimentos privados de acesso ao público, como restaurantes, shoppings, supermercados e escritórios; e meios de transporte coletivo intermunicipal e interestadual." 

O decreto do governo estadual estabelece, ainda, punições para quem não cumprir a nova regra. "Elas vão de advertência educativa a interdição do estabelecimento; cancelamento de registro, de alvará ou licença; ou até intervenção, no caso de estabelecimento de serviços de interesse para a saúde, entre outras". 

Mato Grosso do Sul acumula 45 mortes e 5.237 casos confirmados da covid-19, infecção respiratória provocada pelo novo coronavírus. Segundo o último balanço oficial, a doença já matou mais de 50 mil pessoas no Brasil

No início de abril, o Ministério da Saúde divulgou uma série de orientações para a confecção dos itens de proteção. "É preciso que a máscara tenha pelo menos duas camadas de pano, ou seja dupla face. E mais uma informação importante: ela é individual. Não pode ser dividida com ninguém. As máscaras caseiras podem ser feitas em tecido de algodão, tricoline, TNT ou outros tecidos, desde que desenhadas e higienizadas corretamente", orientou à época.

Últimas