Cidades CUFA faz mobilização para atender 500 mil mulheres no Dia das Mães

CUFA faz mobilização para atender 500 mil mulheres no Dia das Mães

Homenagem às mães em favelas ocorre com entrega de cestas básicas, produtos de beleza e flores como sinal de acolhimento

  • Cidades | Do R7

Além das cestas básicas, mães vão receber flores na data

Além das cestas básicas, mães vão receber flores na data

Divulgação / CUFA

A CUFA (Central Única das Favelas) faz neste domingo (9) uma homenagem nacional às mães das comunidadede todo o país com entrega de cestas básicas, produtos de beleza, kits de higiene e flores em sinal de carinho e acolhimento.

A estimativa é atender 500 mil mães por todo o Brasil. Além das entregas habituais feitas pela instituição, as mulheres também receberão uma rosa e um poema será declamado para elas durante as ações. 

Todas as ações estão programadas para acontecer às 10h da manhã, em estados como Minas Gerais, Bahia, Acre, São Paulo, Piauí, Goiás, entre outros.

Segundo a CUFA, o ato simbólico tem como objetivo agradecer e acolher as mães após mais um ano difícil de pandemia. As doações serão entregues pelas Mães da CUFA, mulheres da linha de frente da instituição que sentem na pele as dificuldades enfrentadas.

As Mães da Favela se tornaram o foco das ações da CUFA no início da pandemia. A decisão foi tomada quando a instituição percebeu que, mesmo dentro das favelas - onde as pessoas sofriam mais os impactos da crise da covid-19-, havia um grupo de pessoas ainda mais vulnerável: as mães. 

“Percebemos que essas mulheres, na maioria das vezes, não tem um suporte, não tem para onde correr quando o calo aperta. E durante a pandemia, apertou muito. É preciso olhar para elas. Essa homenagem vem depois de um ano de muitas perdas, dores e lutas como uma forma de dizer ‘parabéns, vocês são incríveis e não estão sozinhas’”, afirma Kalyne Lima, vice-presidente da CUFA Nacional.

Últimas