Diário Digital Abono PIS/Pasep pode pagar até R$ 2,4 mil por trabalhador em 2022

Abono PIS/Pasep pode pagar até R$ 2,4 mil por trabalhador em 2022

Uma boa notícia para os brasileiros é que o abono salarial PIS/Pasep deve ser pago em dobro no próximo ano. O benefício referente aos anos-base de 2020 e 2021 será liberado aos trabalhadores que atuaram com carteira assinada por, pelo menos, 30 dias em cada um desses períodos. O abono tem como referência o salário mínimo em vigência, que em 2022 […] O post Abono PIS/Pasep pode pagar até R$ 2,4 mil por trabalhador em 2022 apareceu primeiro em Diário Digital.

Uma boa notícia para os brasileiros é que o abono salarial PIS/Pasep deve ser pago em dobro no próximo ano. O benefício referente aos anos-base de 2020 e 2021 será liberado aos trabalhadores que atuaram com carteira assinada por, pelo menos, 30 dias em cada um desses períodos.

O abono tem como referência o salário mínimo em vigência, que em 2022 deve ultrapassar os R$ 1.200. Como a expectativa é de que sejam concedidos os benefícios referentes aos últimos dois anos, cada cidadão poderá receber até R$ 2.400.

O motivo da liberação do PIS/Pasep do ano-base 2020 ter sido adiado é que o governo federal utilizou os recursos para custear o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEm). Por isso, a decisão foi de adiar os depósitos para o ano que vem, juntamente com o outro repasse que já estava previsto.

Regas do abono PIS/Pasep

De acordo com a resolução que rege o programa, o pagamento deve ocorrer entre janeiro e dezembro de cada exercício, levando em conta as informações do ano anterior. No caso de trabalhadores da iniciativa privada, liberação considera o o mês de nascimento. Já para os servidores públicos, é levado em conta o número final de sua inscrição.

A responsabilidade pelo repasse dos recursos dos servidores públicos (Pasep) é do Banco do Brasil, enquanto a Caixa Econômica Federal cuida do abono dos funcionários de empresas privadas (PIS).

Conheça abaixo as regras para receber o abono PIS/Pasep:

Estar cadastrado há, pelo menos, cinco anos; Ter recebido de empregador pessoa jurídica remuneração média de até dois salários mínimos no ano-base; Ter trabalhado com carteira assinada por, no mínimo, 30 dias no ano-base; Ter seus dados informados corretamente na RAIS – Relação Anual de Informações Sociais.

Valor do abono salarial

A quantia varia de acordo com a quantidade de meses trabalhados no ano anterior. Considerando que o salário mínimo será de R$ 1.200 em 2022, a tabela do abono PIS/Pasep fica assim:

Meses trabalhados Valor do abono 1 mês R$ 101,00 2 meses R$ 202,00 3 meses R$ 303,00 4 meses R$ 404,00 5 meses R$ 505,00 6 meses R$ 606,00 7 meses R$ 707,00 8 meses R$ 808,00 9 meses R$ 909,00 10 meses R$ 1.009,00 11 meses R$ 1.110,00 12 meses R$ 1.210,44

O post Abono PIS/Pasep pode pagar até R$ 2,4 mil por trabalhador em 2022 apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas