Diário Digital Central de Interpretação de Libras começa a funcionar em Dourados

Central de Interpretação de Libras começa a funcionar em Dourados

A Central de Interpretação de Libras (CIL) foi reativada em Dourados na manhã desta segunda-feira. O projeto era do Governo do Estado com o Governo Federal e foi repassado ao município em 2020. A Secretaria de Municipal de Educação (Semed) e a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) abraçaram a responsabilidade de retomar o projeto […] O post Central de Interpretação de Libras começa a funcionar em Dourados apareceu primeiro em Diário Digital.

A Central de Interpretação de Libras (CIL) foi reativada em Dourados na manhã desta segunda-feira. O projeto era do Governo do Estado com o Governo Federal e foi repassado ao município em 2020. A Secretaria de Municipal de Educação (Semed) e a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) abraçaram a responsabilidade de retomar o projeto e, agora, a central está funcionando na Casa dos Conselhos, na rua João Rosa Góes esquina com a Joaquim Teixeira Alves, Nº395.

A Central de Interpretação de LIBRAS tem como objetivo promover a comunicação entre surdos e ouvintes por meio da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), garantindo assim o acesso às informações e a participação efetiva dos surdos na sociedade preservando seus direitos.

O horário de funcionamento da CIL é das 07:00 as 13:00 de segunda a sexta-feira, os usuários poderão solicitar estes atendimentos:

“In Loco” – O usuário solicita um agendamento com o profissional tradutor e intérprete de Libras, através do telefone 98418-8793/3411-7632 ou por e-mail cildourados@gmail.com . O atendimento poderá ocorrer de forma simultânea com a tradução em tempo real de tudo que está sendo dito, ou pela tradução consecutiva para quando o surdo apresentar comprometimentos de ordem intelectual ou de sinalização gestual.

Presencial – O usuário ou órgão se dirige até a CIL e solicita o atendimento para a tradução de textos escritos, ligações telefônicas, agendamentos e outras solicitações que os usuários necessitarem.

Para Alexandra Mara Pereira representante da CIL “Isso vai permitir inclusão e acessibilidade a pessoas que necessitam não apenas dos órgãos públicos”. O prefeito Alan Guedes que também esteve presente na cerimônia reiterou “O poder público precisa garantir para as pessoas com deficiência o que elas mais precisam: sua autonomia.”

As Centrais de Interpretação de LIBRAS (CIL) são parte da política desenvolvida pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR). Desde 2012, foram implantadas 37 centrais no Brasil em parcerias com Estados e municípios, que auxiliam o atendimento das pessoas surdas nos serviços públicos, médicos, jurídicos e policiais com intérprete de LIBRAS e traslado.

O post Central de Interpretação de Libras começa a funcionar em Dourados apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas