Consultoria pelo Telessaúde aumenta 90% em 2020

O serviço de teleconsultoria disponibilizado pelo Governo de MS, por intermédio da Secretaria de Estado de Saúde, aumentou 90% em 2020. A ferramenta é um dos serviços oferecidos pelo Programa Telessaúde Brasil Redes em Mato Grosso do Sul. Esta iniciativa atua como ferramenta organizativa, visando a aumentar a solução de procedimentos relacionados à Atenção Primária […] O post Consultoria pelo Telessaúde aumenta 90% em 2020 apareceu primeiro em Diário Digital.

O serviço de teleconsultoria disponibilizado pelo Governo de MS, por intermédio da Secretaria de Estado de Saúde, aumentou 90% em 2020. A ferramenta é um dos serviços oferecidos pelo Programa Telessaúde Brasil Redes em Mato Grosso do Sul.

Esta iniciativa atua como ferramenta organizativa, visando a aumentar a solução de procedimentos relacionados à Atenção Primária de Saúde, favorecendo a coordenação do cuidado, promovendo adesão terapêutica e estimulando a prevenção à saúde.

Segundo a coordenadora Estadual de Telessaúde MS, Márcia Bogena Cereser Tomasi, este aumento no acesso ao serviço está associado à necessidade das equipes de saúde de encontrar alternativas e soluções de atendimento durante a pandemia. “As teleconsultorias tendem a reduzir deslocamentos geográficos desnecessários de usuários do SUS, ao aumentar a capacidade de resolução de problemas de saúde pelas equipes”.

Em 29 anos de profissão, a enfermeira Ivanir Cuevas Alves Ferreira, utilizar a informática para a profissão foi novidade que salvou a vida de um paciente. Ela atua há dez anos em Bodoquena e o sistema surpreendeu. “É a primeira que uso um sistema assim. Um caso me marcou, um paciente adquiriu a hanseníase e como sequelas perdeu a sensibilidade nos membros inferiores e acabou desenvolvendo úlceras, porque devido à pandemia, a situação piorou”.

Ivanir explica que com o Telessaúde, além de ter recebido os protocolos para os devidos cuidados com a ferida, obteve informações sobre o uso de medicação local, um remédio tópico. “Também tivemos o retorno da SES que encaminhou o tratamento no Hospital São Julião, em Campo Grande. O caso desse paciente é interessante porque pedimos ajuda ao Telessaúde e tivemos rapidamente o retorno. Ele tem 53 anos, no começo da pandemia ficamos uma semana sem atendimento, quando retornou à normalidade, ele ainda ficou um tempo para voltar ao tratamento e com isso ficou bem delicada a situação dele”.

O médico cadastrado no programa, o infectologista de Corumbá, Hilton Luis Alves Filho, faz um balanço da sua atuação na iniciativa e reforça: “Os profissionais nos procuraram de muitos lugares do Estado, de municípios pequenos até a Capital, nós o ajudamos na tomada de decisão. Muitas vezes haviam casos de infecção associada, então o profissional queria saber o isolamento mais adequado, o antibiótico mais eficiente. Além de muitas dúvidas sobre o teste, quando pedir o Swab como o teste rápido”.

Além da teleconsultoria, a iniciativa oferta ainda o telediagnóstico (voltados a assistência), tele-educação e Segunda Opinião Formativa (processos educacionais e/ou de gestão e processos de trabalho). O serviço de teleconsultoria é realizado por um grupo de teleconsultores especialistas, sendo disponibilizados atualmente 19 especialidades médicas, além de enfermeiros, odontólogos, nutricionista, farmacêutico e psicólogo.

Com informações do Portal do MS.

O post Consultoria pelo Telessaúde aumenta 90% em 2020 apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas